Meu barco ancora

Nesta ilha

Sem história

Vejo o que nela há

O tudo que se aflora

O repentino por do sol

Que a vida restaura

Reluz oceano afora

Enquanto cresce no peito

Uma certa saudade

Daquilo que não mais terei

Mas que me ensinou

Tudo que agora sei

7 comentários sobre “

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s